CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021
Espaços de Autor
Uma casa de sonho que respeita os sobreiros 3.jpg 2.jpg 4.jpg 7.jpg 8.jpg 5.jpg 6.jpg Uma casa de sonho que respeita os sobreiros

Uma casa de sonho que respeita os sobreiros

18 de fevereiro de 2021

Integrada numa área de protecção natural pela existência de diversos sobreiros, esta moradia tira partido da paisagem de Celorico de Basto e esconde-se na vegetação. Um projecto do atelier Hugo Pereira Arquitetos.

A arquitectura moderna portuguesa destaca-se na Casa dos Sobreiros, num terreno de extraordinárias características morfológicas, que se manteve quase intacto e inalterado. O terreno, com cerca de 12 mil metros quadrados, situa-se numa área de proteção natural pela existência de diversos sobreiros, tendo a implantação permitido a manutenção de todas as árvores existentes.

"O desenvolvimento deste projecto teve em consideração a forte relação com a natureza, tornando-a parte integrante da casa e um elemento fulcral na valorização da espacialidade interior. O ambiente natural e o panorama que do local se desfruta foram os elementos decisivos para sua a construção", refere o arquitecto Hugo Pereira.

Segundo a equipa projectista, a leveza desta construção é acentuada pelos pormenores, detalhes e ambientes que se
relacionam e se criam, sendo a mescla de verde das diversas árvores e arbustos uma presença constante em qualquer espaço interior da casa. "A escolha dos elementos construtivos foi definida tendo em conta a impressão visual causada e o enquadramento na envolvente. A parte exterior é toda construída em betão cofrado com o processo tradicional usando tábuas de madeira de pinho e com a estereotomia desenhada de acordo com a escala das superfícies e de todo o conjunto".

De acordo com a memória descritiva, a inclinação nas fachadas sugere a continuidade do terreno, dissimulando a casa no espaço e na natureza também pela escolha da cor, cuja tonalidade permite realçar o verde da envolvente. As paredes em betão permanecem no interior da casa contrastando com as paredes em vidro que permitem a entrada abundante de luz natural, desde nascente a poente, e da natureza que abunda no exterior, sejam as árvores de grande porte ou os arbustos que aromatizam o ambiente e atraem magníficas espécies de insectos.

No interior, os espaços são amplos e luminosos, a cozinha tem abertura para a sala de jantar e de estar. Na perpendicular estão as três suites e no piso superior um espaço amplo e panorâmico. O pavimento é revestido a mosaico preto, dando continuidade aos pátios exteriores, quer da cobertura quer do rés do chão. A tonalidade escura contrasta com a madeira de dois elementos chave: o móvel corrido, suspenso, que percorre a cozinha, sala de jantar e de estar e cuja assimetria é semelhante à da casa e o móvel do corredor, igualmente suspendo, que inicia numa
extremidade “rasgando” a porta da suite principal.

"As peças de mobiliário existente e os elementos decorativos foram criteriosamente escolhidas e enquadrados na arquitectura da casa. O acesso à casa faz-se por meio de uma estrada em calçada portuguesa de granito da região que contorna os sobreiros e desagua na pala assimétrica de grande volumetria que confere imponência à entrada. A iluminação foi colocada estrategicamente de forma pouco agressiva e artificial para o local. A piscina, estreita, de água salgada e cristalina, é um espaço de excelência para a contemplação da natureza com o chilrear dos pássaros como barulho de fundo", conclui o arquitecto.

Ficha Técnica:

Nome do Projecto - Casa dos Sobreiros 
Atelier de Arquitectura - Hugo Pereira Arquitetos
Arquitecto responsável - Hugo Pereira e Diogo Jordão
Website: www.hpainvestimentos.pt
Localização - Celorico de Basto, Portugal
Ano de conclusão da obra - 2020
Área total construída (m2) - 330 m2
Fotógrafo - Ivo Tavares Studio
Website : www.ivotavares.net

PUB
TURISMO
Agências de Viagens e Operadores Turísticos com apoio de 100 milhões de euros
24 de fevereiro de 2021
ARRENDAMENTO
Proprietários receiam que incumprimento de rendas vá aumentar este ano
17 de fevereiro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
FIFA world Cup Qatar 2022: construção de 7 estádios já levou à morte de mais de 6.500 trabalhadores migrantes
24 de fevereiro de 2021
PUB