CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
terça-feira, 28 de setembro de 2021
Actualidade
Licenciamento e obras concluídas em níveis superiores ao período pré-pandemia

Licenciamento e obras concluídas em níveis superiores ao período pré-pandemia

10 de setembro de 2021

No 2º trimestre de 2021 foram licenciados 6,5 mil edifícios, +27,1% face ao mesmo trimestre do ano anterior (+8,3% no 1º trimestre de 2021). Este valor supera em 9,3% os edifícios licenciados no 2º trimestre de 2019 (período pré-pandemia COVID-19), revela hoje o INE - Instituto Nacional de Estatística.

Todas as regiões apresentaram variações homólogas positivas no número total de edifícios licenciados. As regiões que mais se destacaram foram a Área Metropolitana de Lisboa (+41,8%), o Algarve (+38,4%), o Centro (+33,5%) e a Região Autónoma dos Açores (+30,2%).

Os edifícios licenciados em construções novas aumentaram 27,3%, +14,7% face ao 2º trimestre de 2019 (+9,8% no 1º trimestre de 2021). O licenciamento para reabilitação registou um crescimento de 25,4%, traduzindo-se num decréscimo de 6,7% em relação ao 2º trimestre de 2019 (+2,9% no 1º trimestre de 2021).

Os edifícios concluídos cresceram 3,3% (+5,6% no 1º trimestre de 2021; +7,9% face ao 2º trimestre de 2019), totalizando 3,7 mil edifícios. Comparativamente com o trimestre anterior, o número de edifícios licenciados decresceu 1,5% (+13,0% no 1º trimestre de 2021) e o número de edifícios concluídos diminuiu 0,4% (-3,0% no 1º trimestre de 2021).

Estima-se que tenham sido concluídos 3,7 mil edifícios em Portugal, no 2º trimestre de 2021, correspondendo, na sua maior parte, a construções novas (79,6%) e que destas, 77,0% tenham tido como destino a habitação familiar.

Verificaram-se aumentos de 3,0% nas obras concluídas em construções novas e de 4,4% nas obras de reabilitação, face ao 2º trimestre de 2020. Em comparação com o trimestre anterior, as variações foram de -1,5% e +4,3%, respectivamente.

Com excepção da região do Alentejo (-1,9%), todas as regiões do país registaram um crescimento homólogo no licenciamento para construções novas, evidenciando-se o Algarve (+45,6%), a Área Metropolitana de Lisboa (+39,1%) e o Centro (+36,9%).

Numa análise mensal, verifica-se que após o decréscimo homólogo observado em Janeiro (-13,3%), os edifícios licenciados observaram um crescimento muito significativo em Março, Abril e Maio (+45,3%, +70,5% e +22,9%, respectivamente). Quando comparado com os mesmos meses de 2019, este crescimento é também relevante nos meses de Março, Abril e Junho (+25,2%, +27,7% e +8,8%, respectivamente).

PUB
TURISMO
Turismo do Algarve empenhado em alavancar o regresso dos eventos profissionais à região
28 de setembro de 2021
ARRENDAMENTO
Procura por quartos diminui em 2021 comparativamente a 2020 e 2019
27 de setembro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
Penthouse mais cara do Dubai à venda por 42 milhões de euros
28 de setembro de 2021
PUB