CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
terça-feira, 20 de outubro de 2020
Actualidade
Imobiliário foi o sector mais activo no mercado de transacções em Portugal no 1º semestre

Imobiliário foi o sector mais activo no mercado de transacções em Portugal no 1º semestre

9 de julho de 2020

O imobiliário foi o sector mais ativo deste primeiro semestre no mercado de transacções em Portugal, com 51 transações e um aumento de 28% em termos homólogos, revela a TTR – Transactional Track Record. 

Um sector em contraciclo com o restante mercado que registou uma queda de 23% no volume de transacções, face ao semestre homólogo anterior, devido ao impacto da pandemia a partir de abril, segundo um relatório hoje divulgado.

A plataforma TTR – Transactional Track Record, que analisa mensalmente este mercado, registou 162 transacções nos primeiros seis meses do ano, entre anunciadas e concluídas, com um valor total de de 7,58 mil milhões de euro, traduzindo uma quebra de 23% no volume de transacções face ao mesmo período de 2019.

"O segundo trimestre foi o responsável pela reversão da tendência de crescimento que o mercado apresentava no período de incerteza gerado pela pandemia do Covid-19, já que no primeiro trimestre houve um volume de transacções maior do que o do primeiro trimestre de 2019", lê-se no relatório.

Como referido, o imobiliário foi o sector mais activo deste primeiro semestre, com 51 transacções, o que representa um aumento de 28% em relação ao primeiro semestre do ano passado, mas a maior parte das transacções (41) a serem concretizadas no primeiro trimestre.

Já as 55 transações que envolveram empresas estrangeiras, em operações de aquisição de empresas portuguesas no primeiro semestre, representaram uma redução 41,5%, face ao primeiro semestre do ano passado, salientando a TTR que o volume de transacções deste tipo registou desde 2016 um histórico de crescimento anual.

O relatório revela ainda uma redução de 60%, no período em análise e face ao homólogo anterior, dos investimentos fundos de Private Equity, num total de 10.

Já os fundos de 'venture capital' realizaram 27 investimentos, no primeiro semestre, menos 23% do que no mesmo período de 2019.

LUSA/DI

PUB
TURISMO
Primeiro hotel Andaz em Lisboa com abertura prevista em 2024
19 de outubro de 2020
PUB
ARRENDAMENTO
Rendas descem 11,1% em Lisboa no 3º trimestre mas em Setembro voltam a subir
16 de outubro de 2020
PUB
PUB
INTERNACIONAL
No norte de Espanha mais de metade dos jovens possui casa própria
19 de outubro de 2020
PUB