CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
sexta-feira, 6 de dezembro de 2019
Habitação by century 21

Lisboa: Bairro de Alvalade vai ter um novo projecto residencial

17 de setembro de 2019

A antiga sede da AEG em Portugal, vai ser transformada num complexo residencial de quatro andares com 32 apartamentos. O empreendimento é promovido pela Lantia e comercializado pela Porta da Frente Christie´s e JLL.

O projecto fica situado entre a Rua João Saraiva e a Avenida Rio de Janeiro, será desenvolvido no bairro residencial de Alvalade, destacado pelo icónico mercado, lojas, restaurantes e a famosa igreja no topo da Avenida da Igreja.

O empreendimento consiste numa intervenção completa da antiga sede da AEG em Portugal, resultando num complexo residencial de quatro andares com 32 apartamentos distribuídos em tipologias T0 a T4 com áreas entre os 47 e os 216 m2. Todas as frações beneficiam de estacionamento e arrecadações e 26 unidades também contam com terraços.

O projecto de arquitectura está entregue ao gabinete ADOC e ao arquitecto Gonçalo Bruschy Fonseca.

Para Rafael Ascenso, director geral da Porta da Frente Christie’s, "Alvalade é um dos bairros mais procurados da região de Lisboa, com uma grande escassez de produto e um grande potencial de renovação para atrair famílias mais jovens. O AEG vem aumentar essa oferta com apartamentos espaçosos e de grande qualidade, com terraços, de onde se poderá desfrutar da tranquilidade e privacidade características desta área. Temos a certeza de que será um produto muito atractivo para um público nacional e também internacional”.

Já Patrícia Barão, Head of Residential da JLL., acrescenta que “o AEG traz a Alvalade uma oferta de apartamentos modernos e amplos ideais para famílias numa zona residencial madura, de fácil acesso e onde se vive o ambiente de bairro. Aqui, o comércio é abundante e tem vindo a modernizar-se, ao mesmo tempo que novos projectos residenciais surgem, transformando Alvalade num destino cada vez mais procurado quer por clientes nacionais quer internacionais. Este projecto será um importante reforço da oferta na zona”.

PUB
ARRENDAMENTO
Senhorios têm entre 1 de Janeiro e 15 de Fevereiro para entregar declaração e ter redução de IMI
1 de dezembro de 2019
PUB
PUB
PUB