CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
quinta-feira, 2 de dezembro de 2021
Habitação by century 21
Aurora: Novo projecto de Lisboa simboliza a excelência da arquitectura portuguesa dos anos 50 Aurora1.jpg Aurora: Novo projecto de Lisboa simboliza a excelência da arquitectura portuguesa dos anos 50

Aurora: Novo projecto de Lisboa simboliza a excelência da arquitectura portuguesa dos anos 50

15 de outubro de 2021

Fruto da reabilitação do nº7 da avenida António Augusto de Aguiar, um edifício exemplar perfeito do estilo arquitectónico “Português Suave”, característico de Lisboa entre os anos 1930 e 1960, surge o Aurora.

Este novo projecto residencial disponibiliza 36 apartamentos em diferentes tipologias e já está no circuito de vendas, com comercialização em regime de co-exclusividade pela JLL e Porta da Frente Christie’s.

O Aurora situa-se junto ao Marquês de Pombal, estando a uma curta distância pedonal de um vasto conjunto de transportes, equipamentos e locais de referência, incluindo o Parque Eduardo VII, o Saldanha, a Fundação Calouste Gulbenkian, passando pelo El Corte Inglès, o Saldanha Residence ou o Monumental.

Promovido pela Lantia, o projecto ganha o nome da Deusa do Amanhecer da mitologia romana que está eternizada no edifício numa escultura assinada por Leopoldo de Almeida, um dos grandes precursores do estilo Português Suave. O projecto de reabilitação preserva a identidade de um edifício progressista à sua época, transportando para o presente esta estética arquitectónica que alterou a paisagem urbanística portuguesa.

O Aurora oferece 16 apartamentos T1, 14 apartamentos T2 e ainda 4 apartamentos T3 e duas penthouses T3. Os Aurora One são os apartamentos T1, sendo especialmente vocacionados para a compra para investimento. Os Aurora Two, que abrangem os apartamentos T2, dispõem de estacionamento próprio e apostam na qualidade superior dos materiais. Os Aurora Three, as unidades de tipologia T3, incluem além do estacionamento próprio, também espaço de arrecadação, com todas as comodidades para a vida em família. Os Aurora Penthouses destacam-se dos restantes pela integração de um terraço na zona de sala.

O edifício disponibiliza a todos os seus residentes serviço de concierge, incluindo uma sala para recepção de encomendas, além de se posicionar na primeira linha da mobilidade sustentável com a integração de uma área de e-parking, um parque de bicicletas com carregadores para bicicletas eléctricas.

Na opinião de Patrícia Barão, Head of Residential da JLL Portugal, “com o charme de uma reabilitação que preserva o icónico estilo Português Suave, o Aurora é também um projecto que acompanha a transformação de Lisboa numa capital mais moderna e sustentável. Pela sua centralidade, é um projecto onde o conceito de 'walkability' está muito presente pois permite aos residentes acederem a vários pontos de interesse e conveniência a uma curta distância pedonal, numa nova mobilidade mais consciente e ecológica. A diversidade de tipologias e a possibilidade de personalização de apartamentos são outro fator diferenciador, atraindo assim pessoas e famílias em diferentes fases da sua vida. É um projecto vencedor”.

Já Rafael Ascenso, Diretor Geral da Porta da Frente Christie’s, afirma que “o edifício Aurora vem responder a várias necessidades dos nossos clientes mais exigentes, tanto nacionais como internacionais: um lifestyle cosmopolita, mas ao mesmo tempo mais “verde” e focado no bem-estar, com grande proximidade a jardins, parques e ciclovias. A exclusividade deste projeto, situado numa das melhores localizações da capital portuguesa, reflete-se também nos acabamentos de elevada qualidade, na funcionalidade dos espaços e em todas as comodidades oferecidas aos seus residentes. Será sem dúvida um sucesso de vendas”.

PUB
ARRENDAMENTO
Preço das casas para arrendar desceu 4,2% no último ano
30 de novembro de 2021
PUB
PUB
PUB