CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
quarta-feira, 27 de outubro de 2021
Arrendamento
Procura por quartos diminui em 2021 comparativamente a 2020 e 2019

Procura por quartos diminui em 2021 comparativamente a 2020 e 2019

27 de setembro de 2021

Verifica-se que a procura de quartos teve um decréscimo de -22,8% no período de Agosto-Setembro de 2021, relativamente ao período homólogo do ano anterior e de -4,8% em 2019.

De acordo com estudo da Imovirtual, desde Junho de 2020 até ao presente, existem dois grandes picos de procura, que ocorrem no final de Setembro de 2020 e no início de Setembro de 2021.

Há ainda picos menos representativos de procura que se verificam aproximadamente entre Julho e Agosto de 2020; Abril e Maio de 2021; Julho e Agosto de 2021.

Ao analisarmos o período de Agosto-Setembro de 2020 (828.971 pesquisas) em comparação com o mesmo período de 2021 (640.186 pesquisas), há um decréscimo de -22,8% na procura por quartos.

As zonas que demonstram maior queda são Cascais (-55%); Guimarães (-54%); Castelo Branco (-49%); Almada (-49%) e Coimbra (-47%).

O Imovirtual indica ainda que apesar deste decréscimo geral de procura de quartos, as três zonas que registaram um crescimento este ano, face a 2020, são Abrantes (+468%); Montijo (+187%) e Viana do Castelo (+125%).

Lisboa (4,5%); Porto (2,2%); Coimbra (1,6%); e Braga (0,8%) são, respectivamente, as localizações mais procuradas. Com percentagens menos representativas, encontramos ainda no Top 10 de zonas mais procuradas: Aveiro, Setúbal, Covilhã, Faro, Castelo Branco e Vila Nova de Gaia.

No Grande Porto, as zonas mais procuradas em 2021 foram Paranhos, Vila Nova de Gaia, Cedofeita, Lordelo do Ouro e Bonfim. Já na área da grande Lisboa, as zonas mais procuradas foram Benfica, São Domingos de Benfica, Alvalade, Amadora e Sintra.

As zonas de maior destaque registam este ano preços médios que rodam os seguintes valores: Lisboa (357 euros); Faro (316 euros); Setúbal (303 euros); Porto (294 euros); Braga (264 euros); Aveiro (239 euros); Coimbra (236 euros); Leiria (214 euros) e Castelo Branco (170 euros).

PUB
PUB
TURISMO
Turismo de Portugal lança "Invest in Tourism"
26 de outubro de 2021
ARRENDAMENTO
Rendas das casas em Lisboa continuam 18% abaixo do Pré-Covid
26 de outubro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
Novo Fundo de Investimento da Sonae Sierra adquire cinco supermercados na Alemanha
26 de outubro de 2021
PUB