CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
domingo, 28 de fevereiro de 2021
Reabilitação
Castelo de Leiria reabre no 1.º semestre após obras de reabilitação castelo-de-leiria-02 - - Foto cortesia CMLeiria.jpg castelo-de-leiria-03 - - Foto cortesia CMLeiria.jpg Castelo de Leiria reabre no 1.º semestre após obras de reabilitação

Castelo de Leiria reabre no 1.º semestre após obras de reabilitação

15 de janeiro de 2021

O Castelo de Leiria, que fechou em Junho de 2019, para obras de reabilitação de alguns dos seus espaços, trabalhos que iniciaram quase em simultâneo com a criação dos acessos mecânicos ao monumento, vai reabrir este semestre.

O município refere hoje que a execução de infraestructuras para os acessos mecânicos ao Castelo, investimento de 1,6 milhões de euros com apoio de 1,4 milhões de euros, inclui dois elevadores verticais no lado sul e um elevador em carril no lado norte.

Já a reabilitação urbana do núcleo amuralhado, Castelo e envolventes, no valor de 1,9 milhões de euros, com financiamento de 1,5 milhões de euros, contemplou a Casa da Guarda, com diversas intervenções, as cisternas, consideradas um “importante arqueossítio” e tornando visitável o interior, e a Igreja de Santa Maria da Pena, que foi alvo de diversos trabalhos, de conservação e restauro, incluindo colocação de cobertura e vãos ou arranjos no adro e no acesso à Torre Sineira.

Ao nível dos arranjos exteriores, o Castelo vai ter um anfiteatro em pedra, para eventos ao ar livre, os caminhos vão ser nivelados e colocada calçada, e as áreas de repouso também vão ser objecto de intervenção. Está prevista, igualmente, a substituição de espécies vegetais degradadas por autóctones.

O projecto de reabilitação é da autoria do ateliê Santos Pinheiro - Arquitetos Associados.

Lusa/DI

PUB
TURISMO
Proença-a-Nova reabilita Praia Fluvial da Aldeia Ruiva
26 de fevereiro de 2021
ARRENDAMENTO
Aprovada proposta que permite ao fisco ceder dados para validação do Apoiar Rendas
26 de fevereiro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
FIFA world Cup Qatar 2022: construção de 7 estádios já levou à morte de mais de 6.500 trabalhadores migrantes
24 de fevereiro de 2021
PUB