CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
segunda-feira, 18 de novembro de 2019
Actualidade

Portugal continua com condições de investimento competitivas

26 de setembro de 2018

O estudo WMarket Review, da consultora Worx, revela que o mercado imobiliário nacional vive um momento muito positivo e com vantagens competitivas de face aos restantes países da Europa.

O relatório revela ainda que o investimento imobiliário comercial deverá bater novo recorde este ano, ultrapassando a fasquia dos dois mil milhões de euros. A manutenção dos níveis de liquidez irá manter-se, especialmente direccionada para activos “prime” que adequam a investidores com perfil core. Na análise de performance do 1º semestre, é de realçar o fato de que 75% do investimento imobiliário comercial nacional foi composto por operações acima dos 100 milhões de euros, assentes nas transacções de portefólios de retalho e escritórios. Até ao final de 2018, é igualmente esperada uma estabilização dos valores de prime yield.

No mercado de escritórios, no total do 1º semestre o volume de absorção foi de 86 819 m2, o que representa um aumento de 11% comparativamente ao período homólogo de 2017. O mercado manter-se-á em alta, impulsionado pela entrada crescente de empresas internacionais no mercado português, pela necessidade de expansão e mudança de instalações de empresas que vêm crescer a sua actividade ou procuram realizar um upgrade às suas actuais condições espaciais de trabalho, proporcionando melhores condições de trabalho aos seus colaboradores. A escassez de oferta continuará a ser uma realidade até ao final de 2019, o que constitui o maior obstáculo à manutenção do dinamismo do mercado de escritórios e coloca a tónica nas operações de pré-arrendamento no que diz respeito à ocupação de áreas de grande dimensão. Os valores de renda prime e renda média irão continuar a verificar margem para progressão.

O crescimento deste segmento recai também na procura no sector de Retalho, que exerce uma forte influência sobre o comércio de rua. Da amostra levantada pela Worx, na cidade de Lisboa abriram quase 200 novos espaços comerciais, sendo que mais de metade são dedicados ao sector da Restauração. Findas as inaugurações de novos centros comerciais em 2017, a realidade é agora expandir, requalificar e inovar centros comerciais existentes, com enfoque particular nas áreas de lazer e restauração, como factores diferenciadores e criadores de mais-valias.

O estudo indica ainda que o segmento de Industrial & Logística começa a dar alguns sinais de viragem, "ainda que muito tímidos e a um ritmo diferente dos restantes segmentos imobiliários. Não obstante, o expectável aumento do comercio electrónico e a necessidade de agilização de tempos de entrega fará aumentar a procura por espaços logísticos próximos dos centros urbanos".

Já no sector de Turismo, a Worx prevê um aumento dos principais indicadores de performance. Para isso contribui a realização em Novembro próximo de mais uma edição do evento internacional WebSummit e que terá um impacto relevante no balanço de resultados de 2018. "Portugal irá continuar a afirmar-se no mercado turístico de luxo, através de uma maior diferenciação de produtos, da aposta em novos conceitos e nichos de mercado especializados que possam atrair mercados com maior poder de compra. Iremos continuar a assistir a uma manutenção do interesse de operadores internacionais no nosso mercado quer através da compra, quer através do arrendamento de unidades hoteleiras".

Segundo Pedro Rutkowski, CEO da Worx, Real Estate Consultants, “o 1º semestre de 2018 foi o melhor de sempre no mercado de investimento imobiliário e deixa antever um fecho de ano extraordinário. Portugal e em particular as cidades de Lisboa e Porto, estão a viver tempos de uma dinâmica imparável, e irão certamente continuar a integrar o target de destino de intenções de investimento e projectos de desenvolvimento de importantes players internacionais”.

PUB
ARRENDAMENTO
Englobamento obrigatório para rendimentos prediais terá “efeito perverso” no mercado – diz APEMIP
14 de novembro de 2019
PUB
PUB
PUB