CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
sábado, 19 de outubro de 2019
Actualidade

Proptech´s e blockchain no imobiliário? A APPII acompanha o futuro e lança a Develotech Centre

11 de julho de 2019

As proptech´s têm chegado em força ao nosso mercado e todos os dias são dados os primeiros passos em processos de blockchain aplicados ao imobiliário. A Associação Portuguesa dos Promotores e Investidores Imobiliários - APPII não quer perder o comboio. Para isso acaba de lançar a Develotech Centre.

Trata-se de uma plataforma gerida pela APPII, que pretende receber as mais relevantes protech´s, nacionais e internacionais, com actividade em Portugal, colocando-as ao serviço do sector da promoção e do investimento imobiliário, nossos associados, em prol de um sector imobiliário do futuro.

Para a associação chegou a hora de se consolidarem como uma indústria do século XXI, virada para o futuro, apta a receber o novo paradigma, num mercado cada vez mais globalizado, conectado, em rede e bem assim exigente em matéria de inovação.

Porquê “Develotech Centre, Where we want to be?”: Hugo Santos Ferreira, vice-presidente executivo da APPI, revela que "na verdade, a maioria das protech´s a nascer ou a entrar no mercado nacional não se encontram ainda focadas no sector da promoção e investimento imobiliário, porém temos sentido uma enorme vontade por parte destes players em desenvolver mais tecnologia ao serviços deste tipo de clientes, antevendo-se um futuro fulgurante no desenvolvimento de novas aplicações focadas na promoção e investimento imobiliário, sector que é visto pelas empresas tecnológicas como uma das maiores oportunidades a desenvolver-se no futuro em matéria de inovação. Acresce que este nosso sector sairá naturalmente beneficiado com toda esta evolução. É por isso que pretendemos abrir a porta à criação das primeiras tecnológicas especializadas no segmento da promoção e do investimento imobiliário, as Develotech's! Where we want to be, in the future".

PUB
ARRENDAMENTO
Senhorios vão ter aplicação para comunicarem duração da renovação dos contratos
17 de outubro de 2019
PUB
PUB
PUB