Vila Galé conquistou o primeiro lugar no Índice da Excelência 2107

28 de Fevereiro de 2018

O grupo hoteleiro português venceu na categoria de empresas com mais de mil colaboradores e também na categoria de Hotelaria, Turismo, Desporto e Ensino.

O Índice da Excelência é um estudo de clima organizacional e desenvolvimento do capital humano realizado pela Neves de Almeida | HR Consulting em parceria com o INDEG-ISCTE e as publicações Human Resources Portugal e Executive Digest. Trata-se de uma distinção às entidades que mais investem e apostam na valorização dos Recursos Humanos.

A escolha é baseada em critérios quantitativos e qualitativos, que incluem questionários aos colaboradores, análises estatísticas e inquéritos à gestão de topo.

Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador da Vila Galé, reconhece que "receber mais esta distinção deixa-nos muito satisfeitos. Acreditamos que é um reconhecimento da estratégia que temos seguido quanto à motivação das equipas e à gestão e retenção de talento e que é essencial ao sucesso de uma marca hoteleira. Nesta área, só é possível prestar um serviço que satisfaça os clientes se os nossos colaboradores se sentirem bem no local de trabalho. Paralelamente, também só dessa forma é que conseguimos atrair e manter os bons recursos humanos".

"Boas condições laborais, existência de incentivos – seguro de saúde, benefícios extensíveis à família, descontos até 65% em alojamento e serviços do grupo, tickets infância, prémios de produtividade, bolsas de mérito -, mas também formação contínua para desenvolver as competências dos colaboradores, através da Academia Vila Galé, ou evolução em função do mérito, são alguns dos pilares dessa estratégia", detalha.

A nível interno, a Vila Galé realiza anualmente, o estudo Cool Staff para avaliar quão cool é trabalhar no grupo. Neste âmbito, os colaboradores são convidados a dar a sua opinião sobre a imagem da empresa, a qualidade dos serviços, as políticas de Recursos Humanos e a sugerir melhorias. No Cool Staff de 2017, 94% dos colaboradores revelaram sentir-se bem a trabalhar na Vila Galé. E 90% indicaram acreditar que há oportunidades de progressão na empresa.