CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
terça-feira, 12 de novembro de 2019
Habitação by century 21

Green Valley Oeiras Residence apresenta conceito inovador de (con)viver

16 de outubro de 2019

O Green Valley Oeiras Residence com cerca de 160 apartamentos, oferece às famílias portuguesas, novos conceitos de habitar. Inspirado nos conceitos do coliving, do cohousing, apresenta agora o (con)viver.

Promovido pelo JPS Group, o empreendimento que se localiza no concelho de Oeiras, oferece para além dos apartamentos, 4700 m2 de área comercial e serviços.

O projecto surge com o objectivo de alterar rotinas e unir famílias, num espaço verde, sustentável e com serviços para todas as gerações. De acordo com o investidor, este empreendimento promove o espírito de comunidade, sem descurar a individualidade e a privacidade. "Como tal, inspira-se no melhor que os conceitos do coliving, do cohousing e do coworking têm para oferecer e transforma-os num só conceito único e inovador: o (con)viver".

Assim, o Green Valley Oeiras Residence inclui: Concierge; Coworking; Lavandaria lounge; Espaço de eventos; Circuitos de manutenção; Ginásio; Piscina; Jardim infantil; Bike sharing e  Espaço Pet. 

O empreendimento tem ainda uma clínica, uma creche, um ATL, um restaurante, um supermercado, um veterinário, um cabeleireiro e um centro de estética.

Com uma arquitectura moderna, com preocupações ecológicas, que equilibra a distribuição entre os espaços privados e partilhados. Com tipologias de T1 a T5, os apartamentos do Green Valley foram desenhados tendo como base uma arquitectura moderna, que se traduz em linhas direitas e em áreas sociais amplas.

De acordo com o JPS Group, o empreendimento terá tipologias de T1 a T5, mas nestas primeira fase de lançamento, só estão disponíveis T2 a T5. Os apartamentos de tipologia T2 apresentam valores desde 160.000 euros no Plano Investidor. Existem também três planos de pagamento. O promotor adianta que todos os apartamentos têm Yield garantido, desde o momento de aquisição.

PUB
ARRENDAMENTO
Renda acessível no Porto? Rui Moreira diz que sim se Estado apoiar com 50%
12 de novembro de 2019
PUB
PUB
PUB