Construir casas novas em Outubro foi mais caro 1,8%

07 de Dezembro de 2018

Em Outubro, estima-se que os custos de construção de habitação nova tenham aumentado 1,8%, em relação ao mesmo período do ano passado mas menos 0.1 p.p. ao observado para Setembro de 2018.

Segundo divulga hoje o  INE - Instituto Nacional de Estatística, no mês em análise, os preços dos materiais registaram uma variação de 1,3% em relação a idêntico mês do ano anterior, 0,2 p.p. acima ao valor apurado para Setembro. O custo da mão de obra aumentou 2,6% em termos homólogos, valor inferior em 0,5 p.p. ao calculado para o mês anterior. 

O custo da mão de obra deu o maior contributo para a formação da taxa de variação homóloga do ICCHN em Outubro (1.0 p.p.). Já o custo dos materiais contribuiu menos para a taxa de variação homóloga de 1,8% (0,8 p.p.).

A taxa de variação mensal do ICCHN foi 0,1% em Outubro de 2018. O custo dos materiais e da mão de obra registaram comportamentos de sinal oposto com os primeiros a aumentarem 0,5% e a mão de obra a diminuir 0,3% entre Setembro e Outubro de 2018.

O sinal da contribuição da mão de obra para a formação da taxa de variação mensal do ICCHN foi negativa (-0,2 p.p.). O custo dos materiais contribuiu com 0.3 p.p. para a formação da variação mensal do índice, revela o INE.