CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
sábado, 16 de janeiro de 2021
Arrendamento
Matosinhos prevê celebrar 500 contratos de arrendamento acessível até 2025

Matosinhos prevê celebrar 500 contratos de arrendamento acessível até 2025

13 de novembro de 2020

 

A Câmara Municipal de Matosinhos, no distrito do Porto, prevê até 2025 celebrar 500 contratos de arrendamento acessível, destinado à classe média e aos jovens, adiantou hoje a autarquia.

Em comunicado, a autarquia refere que o objectivo do programa de arrendamento acessível, que deverá arrancar nas próximas semanas, é apoiar a classe média e os jovens no acesso à habitação.

No âmbito deste, o município vai arrendar imóveis habitacionais, de diferentes tipologias e freguesias do concelho, que, posteriormente, os subarrende às famílias a preços acessíveis, explicou.

“Será a autarquia a assegurar a relação contratual e financeira com o senhorio e com o subarrendatário”, frisou.

Citada na nota, a presidente da câmara, Luísa Salgueiro, ressalvou que o esforço financeiro da autarquia com este programa, suportando a diferença de valor entre a renda paga aos senhorios e recebida dos subarrendatários, será sempre “moderado e largamente compensado” pelos benefícios sociais e pela regulação do mercado.

 

“Matosinhos: Casa Acessível”

“A câmara entende que as políticas municipais de habitação devem contribuir para responder ao agravamento de situações de carência, mas também criar condições de acesso à habitação que permitam fixar a população e atrair muitos dos que, nos últimos anos, não encontraram no concelho”, afirmou.

A crescente dificuldade, sobretudo dos mais jovens, no acesso à habitação obriga-os a procurar resposta fora do concelho, alertou.

A habitação será o tema do próximo `webinar´ do ciclo de debates “Matosinhos à Conversa” que se realizará na quarta-feira, pelas 21:00.

Sob o tema “Matosinhos: Casa Acessível”, o encontro contará com a presença da secretária de Estado da Habitação, Marina Gonçalves, da presidente da câmara e do consultor da Estratégia Local de Habitação, Artur Costa.

Lusa/DI

PUB
TURISMO
Receitas do turismo com quebras de 80% em Novembro
15 de janeiro de 2021
ARRENDAMENTO
Candidaturas ao apoio às rendas arrancam em 4 de Fevereiro
15 de janeiro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
Espanha: aeroportos tiveram quebra média de 72,4% em número de passageiros
14 de janeiro de 2021
PUB