Taberna da Sé num Porto cada vez mais renascido

10 de Setembro de 2017

A Taberna da Sé, localizada perto da Catedral no Centro do Porto, nasceu num espaço que esteve fechado durante anos. O projecto de reabilitação foi do arquitecto Paulo Moreira.

O restaurante ocupa agora parcialmente o piso térreo de um prédio de três frentes. O arquitecto explica que a reconversão deste espaço, após vários anos em que esteve encerrado, "surge num momento em que a cidade assiste a um processo intenso de reabilitação urbana. Embora a vaga de investimentos na reabilitação comece a ser visível na zona da Sé, trata-se ainda de uma realidade muito precária ao nível das condições do edificado".

Paulo Moreira adianta ainda que tal como tem experimentado noutros trabalhos, o projecto reutiliza elementos resgatados a outros edifícios: o pavimento de pedra de granito com dimensões e qualidades variáveis e as portadas antigas transformadas em lambrins com texturas rudimentares.

"As imperfeições dos materiais antigos são complementadas com intervenções que conferem uma atmosfera acolhedora: o branco que cobre as superfícies a partir da altura das mesas, e os candeeiros de alumínio feitos através de um processo manual", escreve o arquitecto.

São também utilizados mosaicos hidráulicos com padrões coloridos, tanto nas zonas de serviço como em delicadas incisões nas mesas de refeição.

"Apesar da sua pequena dimensão, acreditamos que a Taberna da Sé possa servir como catalisadora da revitalização desta zona degradada", revela Paulo Moreira.

Ficha Técnica

arquitectura - Paulo Moreira Architectures

equipa - Paulo Moreira, María Peña, Cecilia Tarantino

cliente - privado

construtor - Manuel Sousa Costa

data - 2016-17

área - 50 m2

fotografias - Inês Guedes