As obras desaparecidas de Frank Lloyd Wright

25 de Abril de 2017

As obras do arquitecto norte-americano Frank Lloyd Wright, considerado o 'pai' da arquitectura moderna e orgânica, não são indiferentes a ninguém, nem mesmo aquelas que desapareceram.

É por isso que o arquitecto espanhol David Romero, apoiado em uma ampla gama de softwares, recriou digitalmente uma série de obras emblemáticas de Llody Wright: de duas delas só restam os escombros e uma terceira nunca foi construída.  O site internacional de arquitectura Archdaily apresenta três projectos nos Estados Unidos realizados por Romero: o Edifício Administrativo Larkin (1903-1950), a Casa Rose Pauson (1939-1943) e a Capela Trinity (1958), respectivamente.

O arquitecto espanhol trabalha com os softwares AutoCAD, 3ds Max, Vray e Photoshop e se baseia em fotografas em preto e branco, croquis e plantas das obras.

"Do Edifício Administrativo Larkin não existem fotografias coloridas e da casa Rose Pauson existem algumas, mas de baixa qualidade. O caso da Capela Trinity é diferente porque não chegou a ser construída. O meu trabalho aqui foi muito mais especulativo, mas tento entrar na cabeça de Wright e pensar como ele faria, baseando-me em outras obras suas que foram, de fato, construídas", revela Romero ao Archdaily. 

O arquitecto adianta ainda que tem muitos livros de Wright e "cada projecto é uma desculpa para comprar mais um. A internet é, claro, uma fonte inesgotável de recursos, não somente de arquitectura, mas de técnicas e tutoriais 3D e o fórum Savewright.org está repleto de fãs da obra de Wright que, generosamente, me ajudam nos projectos, por isso, os agradeço imensamente".

Edifício Administrativo Larkin (1903-1950)

Foi desenhado em 1903 e construído entre 1904 e 1906 para a companhia de sabonetes Larkin em Buffalo, Nova York. Pelo declínio da empresa, em 1945 o edifício foi embargado por Buffalo. Quatro anos mais tarde foi vendido a Western Trading Corporation que anunciou sua demolição para construir um parque de camiões. Entretanto, o projecto nunca foi feito.

Casa Rose Pauson (1939-1943)

Desenhada e construída em 1940, no Arizona (Estados Unidos), este projecto, encomendado por Rose Pauson, sofreu um incêndio dois anos mais tarde, quando uma brasa da lareira atingiu a cortina de uma janela próxima. A moradia ficou em ruínas, mas converteu-se num destino obrigatório de peregrinação para os fanáticos da sua arquitectura.

Capela Trinity (1958)

Desenhada em 1958 para a Universidade de Oklahoma (EUA), esta capela não foi construída devido a uma confusão entre Lloyd Wright e seu cliente, Fred Jones. Jones queria que a capela fosse uma extensão da universidade, mas o arquitecto desenhou um novo edifício isolado. Jones rejeitou o projecto.

Frank Lloyd Wright, foi um dos arquitectos mais visionários da História. Além do seu contributo como arquitecto, o seu percurso pessoal foi também preenchida pelos acontecimentos mais inesperados. O amor e a tragédia fizeram parte da sua vida e além da sua obra arquitectónica, valerá a pena ler o romance histórico da jornalista norte-americana, Nancy Horan, 'Querido Frank', baseado na história de amor entre Mamah Borthwick Cheney e Lloyd Wright. Uma história marcada pelo fim trágico mas verdadeiro. Um arquitecto e um homem que vale a pena descobrir.