CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
segunda-feira, 18 de novembro de 2019
Entrevistas

Nenhum mercado suporta subidas permanentes nos preços

16 de outubro de 2019

A Coldwell Banker iniciou a actividade em Portugal  em 2018 com a abertura da sua primeira agência em Cascais, este ano abriu duas novas agências em Lisboa e encontra-se agora a iniciar a expansão para outras cidades em Portugal . Pedro Pinto da Cruz, Chief Operating Officer na Coldwell Banker Portugal, admite que os níveis de procura de anos recentes têm-se mantido pelo facto de haver diversidade na oferta.

Como analisa o mercado e este crescimento de oferta? Existe de facto procura suficiente?

Portugal tem atraído os principais players que actuam em países e mercados com a dimensão e características do nosso; o mercado amadureceu e evolui com naturalidade para satisfazer as necessidades e as exigências de clientes que procuram soluções imobiliárias diversas e inovadoras, para além de exigirem elevados níveis de profissionalismo; será assim normal, em nossa opinião, a entrada de novos players internacionais no mercado nacional.

Os níveis de procura de anos recentes têm-se mantido pelo facto de haver diversidade na oferta (desde produtos de investimento destinados a residências de estudantes, co living e residências seniores, alojamento local ou hotelaria, escritórios e mercado residencial, de luxo ou regular) , interesse internacional em investir , trabalhar e/ou viver em Portugal, bem como à manutenção de estímulos fiscais (Golden Visa, Regime de Residentes Não Habituais, expatriados, SIGI, etc.).

Qual a sua opinião quanto à especulação de preços sobretudo na zona da grande Lisboa?

Existe sempre uma comparação dos preços praticados em Lisboa com os que se observam nas principais capitais europeias e as expectativas de maior convergência a esses indicadores, que, aliadas à reduzida oferta de novos empreendimentos, à elevada procura existente e ao regresso da Banca à concessão de crédito resultaram na evolução dos preços que temos assistido nos últimos anos.

Nenhum mercado suporta subidas permanentes nos preços pelo que achamos natural que se atinja o equilíbrio nos próximos tempos; haverá, no entanto, que manter e inovar nas políticas fiscais, apoiar iniciativas de atracção de empresas e colaboradores estrangeiros , satisfazer pedidos de novos licenciamentos à construção, melhorar a qualidade nos serviços públicos , entre outras medidas, para continuar a satisfazer os níveis de procura nos diversos segmentos, a portugueses ou estrangeiros.

Qual a estratégia da Coldwell Banker e posicionamento neste mercado?

A Coldwell Banker tem um plano de expansão a três anos de 40 agências em todo o país, com uma oferta especializada em cada um dos quatro segmentos de mercado: Mercado de Luxo, Mercado Regular, Empreendimentos e Comercial; a singularidade de possibilitar a adesão a uma marca internacional centenária com uma proposta de valor assente na segmentação e especialização de clientes com necessidades diversas será o ponto essencial da estratégia de afirmação da Coldwell Banker em Portugal.

Quais as perspectivas para o futuro do mercado e da Coldwell Banker?

O mercado português tem evoluído de acordo com as experiências da Coldwell Banker em outros países que foram trilhando o seu caminho no amadurecimento dos respectivos mercados; à medida que os brokers e consultores vão dotando de maior qualidade e valor a prestação dos seus serviços aos clientes, mais consistente será a procura no mercado imobiliário; os Valores da Coldwell Banker são orientados para esse acompanhamento do mercado (foco no cliente e na qualidade de serviço, mind set tecnológico), o set de recursos que disponibilizamos apoiados numa cultura de disciplina e o espírito de colaboração centenário levam-nos a encarar o futuro com muito optimismo.

Que dificuldades encontram neste momento e num futuro próximo?

Estamos a recrutar as "Pessoas Certas" para expandir a Coldwell Banker, procuramos empreendedores que explorem bem o potencial de representar uma marca em vários segmentos de mercado, com equipas especializadas, capacitadas e consciencializadas para utilizar a tecnologia a seu favor, com o foco nas necessidades dos Clientes e na qualidade de serviço.

Para qualquer empresa, independente do sector em que desenvolva actividade, a atracção de talento é sempre um desafio, mas a qualidade da nossa equipa, os nossos recursos, a nossa formação, o nosso apoio e acompanhamento aos parceiros de negócio e os planos de carreira que disponibilizamos aos consultores comerciais, tornam-nos optimistas para atrair e desenvolver a melhor equipa em Portugal.

PUB
ARRENDAMENTO
Englobamento obrigatório para rendimentos prediais terá “efeito perverso” no mercado – diz APEMIP
14 de novembro de 2019
PUB
PUB
PUB