Presidente da Ordem dos Arquitectos defende Fábrica Confiança

29 de Outubro de 2018

José Manuel Pedreirinho, presidente da Ordem dos Arquitectos, é a mais recente personalidade a subscrever o abaixo-assinado de defesa da Fábrica Confiança, em Braga.

A iniciativa é promovida pela Plataforma Salvar a Fábrica Confiança depois de o município tornar pública a intenção de vender o imóvel a privados.

O edifício da Perfumaria e Saboaria Confiança foi adquirido pelo município de Braga em 2011/2012 através de um processo de expropriação por utilidade pública com o propósito expresso de ser reabilitado para fins culturais/sociais e no âmbito de um consenso alargado entre partidos e sociedade civil. A Câmara Municipal de Braga comprou o edifício por considerar que era único, representativo do património industrial do início do séc. XX  e, como tal, de grande importância cultural para a cidade. Essa decisão foi apoiada e defendida por Ricardo Rio, que nessa altura era vereador da oposição e hoje é o presidente da Câmara de Braga.

Segundo o movimento de defesa do imóvel, o investimento neste edifício encontra-se integralmente pago, não constituindo neste momento qualquer encargo para o município. "Existem várias entidades públicas e privadas empenhadas na salvaguarda e que em conjunto poderão iniciar um processo de recuperação do imóvel ao serviço de toda a comunidade. Além da questão patrimonial, a Fábrica Confiança situa-se numa freguesia (São Victor) com 31 mil habitantes e onde não existe qualquer equipamento cultural municipal", revela o movimento em comunicado.

A recolha de assinaturas contra a alienação da Fábrica Confiança tem estado a decorrer em vários pontos da cidade e via online. A Plataforma Salvar a Fábrica Confiança integra 19 instituições e agentes culturais defendem a manutenção do edifício na esfera municipal.