CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
sábado, 15 de agosto de 2020
Design
Vista Alegre lança a primeira banda desenhada em porcelana BD chegou à Vista Alegre.png VA 1.jpg VA 2.jpg Vista Alegre lança a primeira banda desenhada em porcelana

Vista Alegre lança a primeira banda desenhada em porcelana

2 de dezembro de 2019

A colecção “Je Kraak” une a Banda Desenhada à porcelana, contando histórias sobre diferentes temas, por ilustradores de BD. A Talha Mare Clausum com ilustrações de Penim Loureiro marca o início da colecção. Atribuir à superfície curva e sem limites da porcelana, a função inédita de suporte de BD, prova que a 9ª arte não tem de se restringir aos limites planos do livro em papel ou digital.

A primeira «obra-de-arte» tem a assinatura do arquitecto e ilustrador Penim Loureiro e vem-nos recordar que “os portugueses foram os primeiros a trazer porcelana da China por via marítima, no séc. XVI”. A Vista Alegre celebra esse momento de contacto entre o Ocidente e o Oriente, através da Talha Mare Clausum, da colecção Je Kraak

Penim Loureiro está ligado à concepção de espaços arquitectónicos desde os inícios dos anos oitenta, como colaborador de vários gabinetes de arquitectura, ilustrador, professor universitário e investigador da história e da reabilitação do ambiente construído.

Juntamente com Luísa Cardoso forma um atelier de arquitectura vocacionado para o levantamento das morfologias edificadas, das patologias, proposta das terapias correctivas e reabilitação dos espaços para o uso actual e sustentável.

O cultivo de um particular gosto pela comunicação gráfica, faz com que a actividade do seu gabinete não se esgote na arquitectura, tendo, na área da ilustração, o cruzamento de experiências criativas.

Penim Loureiro fez banda desenhada durante o curto período de tempo de 1979 a 84.

PUB
TURISMO
Turismo interno limita quebra de hóspedes a 82% e de dormidas a 85,2% em Junho
14 de agosto de 2020
PUB
ARRENDAMENTO
Câmara de Lisboa abre 2º concurso de Renda Acessível com 30 novas casas
13 de agosto de 2020
PUB
PUB
INTERNACIONAL
França estima impacto no turismo em cerca de 40.000 milhões de euros
10 de agosto de 2020
PUB