CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
domingo, 28 de fevereiro de 2021
Actualidade
Mercado imobiliário para indústria e logística vai animar este ano

Mercado imobiliário para indústria e logística vai animar este ano

29 de abril de 2019

Apesar de em 2018, o mercado imobiliário para indústria e logística ter sido pouco dinâmico, com a promoção de novos projectos praticamente inexistente, para este ano o mercado dá sinais de um sentimento de confiança positivo.

De acordo com a consultora Savills Portugal, o volume de negócios observado somou um total de 180.300 m2, o que representa uma descida de 17% comparativamente ao período homólogo de 2017.

“O abrandamento das exportações e da procura interna é um dos factores contributivos para este decréscimo, aliado também à falta de oferta nova e a um grau de incerteza relativamente aos desenvolvimentos políticos e económicos no contexto externo”, explica Alexandra Gomes, Senior Analyst do Departamento de Research da Savills Portugal.

O volume de absorção verificado em 2018 foi alcançado através da ocupação de armazéns usados e da expansão de instalações já existentes com uma larga percentagem dos investimentos a ser desenvolvida pelos próprios ocupantes. O eixo Alverca – Azambuja foi o que registou o maior volume de absorção com aproximadamente 70.000 m2, seguido pelos eixos de Palmela – Setúbal (28.594 m2) e Loures – Vialonga (23.682 m2).

“Sem novas aberturas e sem novos projectos no horizonte, o sector imobiliário industrial nacional enfrenta diversos desafios, numa época em que o mercado exige capacidade de resposta rápida”adianta a responsável.

À excepção do arranque de promoção de cerca de 40.000 m2 de oferta especulativa promovidos pela Merlin e integrados na Plataforma Logística Lisboa Norte localizada na Castanheira do Ribatejo, não estão previstas novas promoções, o que acentua a pouca atractividade do sector comparativamente a outros segmentos imobiliários.

A consultora avança ainda que no entanto, a aposta na melhoria da experiência de compra e entrega, o crescimento gradual do e-commerce e a consequente necessidade de modernização das cadeias de distribuição, a par do aumento da capacidade operacional, têm conduzido muitos operadores à procura de novas instalações ou a melhorar as instalações actuais por forma a ajustá-las às novas exigências operacionais e de stock. A expansão do e-commerce como novo canal de vendas assume-se agora como oportunidade para o incentivo à promoção no setor industrial & logístico.

Em 2018, foi registado um investimento total de 140 milhões de euros no sector industrial e logístico, com as operações de venda da Plataforma Sonae na Azambuja à WP Carye por 43 milhões de euros e a venda de duas plataformas logísticas Dia à Square Asset Management por 33 milhões de euros, a constituírem as operações de maior peso neste sector.

“No que se refere a 2019, o mercado dá sinais de um sentimento de confiança positivo por parte dos operadores, incentivando a retoma da promoção e investimento neste segmento imobiliário. São vários os operadores que iniciaram em 2019 a construção de novos entrepostos e novos centros logísticos, reafirmando a necessidade do mercado receber novos projectos”, conclui Alexandra Gomes.

O Lidl Portugal já arrancou com as obras de construção do novo entreposto em Santo Tirso com 48.000 m2. Também a Rangel e o Marb SA. abriram em Braga o novo centro de operações de logística industrial com 6.500 m2 e a Dachser inaugurou o seu centro de operações de logística em Coimbra com o objectivo de dar resposta à previsão de crescimento apontada para os próximos anos.

Para 2019 é expectável uma subida das rendas perante uma oferta muito escassa e 100% assente em armazéns usados. A falta de oferta vai conduzir também à renegociação de contratos com revisão de rendas, o que nos eixos mais centrais, próximos de pólos urbanos que oferecem uma maior concentração e proximidade a outros serviços complementares, poderá significar um ligeiro incremento nos valores de renda.

PUB
TURISMO
Proença-a-Nova reabilita Praia Fluvial da Aldeia Ruiva
26 de fevereiro de 2021
ARRENDAMENTO
Aprovada proposta que permite ao fisco ceder dados para validação do Apoiar Rendas
26 de fevereiro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
FIFA world Cup Qatar 2022: construção de 7 estádios já levou à morte de mais de 6.500 trabalhadores migrantes
24 de fevereiro de 2021
PUB