CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
quarta-feira, 27 de outubro de 2021
Actualidade
Criação de novas empresas no sector da Construção e Obras Públicas cresce 16,8% em Agosto

Criação de novas empresas no sector da Construção e Obras Públicas cresce 16,8% em Agosto

10 de setembro de 2021

Apesar das constituições de novas empresas em Agosto terem diminuíram 13,6% face ao mesmo período de 2020, no sector das  Construção e Obras Públicas aumentou 16,8%.

Segundo o relatório da Iberinform / Crédito y Caución, foram criadas 2.546 novas empresas em Agosto último, menos 400 que no ano passado. Contudo, no acumulado deste ano, regista-se um aumento de 10,9% face a 2020, com mais 2.671 novas empresas para um total absoluto de 27.128 constituições.

O distrito de Lisboa regista o número mais significativo de constituições, com 8.353 novas empresas (+9,5%), ao qual se seguem os distritos do Porto com 4.892 novas empresas (+11,5%), Braga com 2.151 (+11,2%) e Setúbal com 1.985 (+16,1%). Em termos percentuais, o maior acréscimo face a 2020 verifica-se na Madeira (+49,6%), seguida da Horta com um crescimento de 47,6% (de 42 constituições em 2020 para um total de 62 em 2021) e Angra do Heroísmo (+26,5%). Apenas três distritos apresentam uma variação negativa: Vila Real (-13,8%), Portalegre (-3,9%) e Coimbra (-3,4%).

Por sectores de actividade, as maiores variações positivas registam-se no Comércio a Retalho (+27,7%), seguido pela Indústria Extrativa (+22,2%) e pela Agricultura, Caça e Pesca (+17,9%). Os serviços registam um crescimento de 17,3% e a Construção e Obras Públicas cresce 16,8% no comparativo anual. Evolução com polo contrário sente-se nas áreas de: Transportes (-27,3%), Electricidade, Gás, Água (-5,3%), Comércio de Veículos (-1,6%) e Comércio por Grosso (-1,5%). As Telecomunicações mantém-se inalteradas face a 2020, com 63 novas empresas constituídas tanto em 2020 como este ano.

Quanto às insolvências, a Iberinform registou um total de 167 acções de insolvência em Agosto, valor que traduz um aumento de 10,6% face ao período homólogo de 2020.  Nos primeiros oito meses deste ano contabilizam-se já 3.290 insolvências, mais 335 que no mesmo período do ano passado (+11,3%). Por tipologia de acção, os primeiros dois terços do ano fecharam como um total de 686 Declarações de Insolvência Requeridas por terceiros (+16,5%), 698 Declarações de Insolvência apresentadas pelas próprias empresas (-2,9%) e 39 Planos de Insolvência aprovados (+34,5%). No período em análise, foi Declarada a Insolvência de 1.867 empresas (encerramento de processos), mais 244 que em 2020 (+15,0%). 

O distrito do Porto lidera o ranking das insolvências em valores absolutos com um total de 821 insolvências e um aumento interanual de 12,5%. Lisboa ocupa a segunda posição, com 768 insolvências que traduzem um incremento face ao período homólogo de 2020 de 25,9%. Com 386 insolvências e um incremento de 12,2% face a 2020, o distrito de Braga ocupa a terceira posição deste ranking. 

A Indústria Extrativa regista um aumento substancial no número de insolvências nos primeiros oito meses de 2021, evoluindo de oito para 166 (+1975,0%). O sector da Electricidade, Gás e Água também apresenta um crescimento importante de 160% face ao período homólogo, com uma evolução de cinco para 13 insolvências. Exceto os setores de Transportes (-9,1%) e Indústria Transformadora (-23,8%), todos os restantes setores de atividade apresentam aumentos. De salientar, ainda, os sectores das Telecomunicações com um incremento de 75,0%, embora com valores absolutos baixos (evolui de quatro para sete insolvências), e o setor da Hotelaria e Restauração com um incremento de 59,7% que traduz uma evolução de 230 para 365 insolvências entre 2020 e 2021. Os setores do comércio a retalho e por grosso registam aumentos nas insolvências, mas com valores mais moderados de 3,1% e 5,3%, respectivamente.

PUB
PUB
TURISMO
Alojamento e Restauração com maior proporção de novas contratações no 2º trimestre
27 de outubro de 2021
ARRENDAMENTO
Procura de famílias estrangeiras que fixam residência em Portugal impulsionam mercado de arrendamento
27 de outubro de 2021
PUB
PUB
INTERNACIONAL
Novo Fundo de Investimento da Sonae Sierra adquire cinco supermercados na Alemanha
26 de outubro de 2021
PUB