CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
sábado, 11 de julho de 2020
Actualidade
Corredor Ferroviário Sul ligará o Porto de Sines-Setúbal-Elvas e Caia, ba fronteira com Espanha - Foto cortesia Infraestruturas de Portugal

Corredor Ferroviário do Sul vai arrancar

19 de janeiro de 2018

O Corredor Ferroviário do Sul arranca, no primeiro trimestre deste ano, com o lançamento do concurso para a construção do troço entre Évora e Elvas e o início da obra de Elvas até à fronteira do Caia.

São “dois momentos importantes”, que vão ocorrer “ainda neste primeiro trimestre”, e que “marcam o arranque da construção deste eixo ferroviário”, afirmou hoje o primeiro-ministro, António Costa, em Évora.

Numa reunião com o Conselho Regional da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA), o chefe do Governo assinalou que o Corredor Ferroviário do Sul é “dos investimentos mais estruturantes do Portugal 2020”.

investimento ronda os 422 milhões de euros

O Corredor Ferroviário do Sul “é absolutamente fundamental para podermos proceder a uma boa inserção" do conjunto da região do Alentejo na Europa, mas também para "valorizar devidamente essa extraordinária plataforma atlântica que a região dispõe que é o porto de Sines”, referiu.

O primeiro-ministro notou que o Alentejo “é uma região que é capaz de se projectar no mundo através da sua faixa atlântica, mas é capaz também de ser uma grande plataforma de afirmação no conjunto do mercado ibérico e na Europa, através desta linha ferroviária e de todo o vasto território que tem junto à fronteira com Espanha”.

Ao todo, o investimento ronda os 422 milhões de euros, dos quais 264 milhões de euros são comparticipados pelo Estado e as verbas restantes – 158 milhões de euros – são suportadas por fundos comunitários, no âmbito do Programa Mecanismo Conectar Europa (CEF), segundo um ponto de situação enviado à Lusa.

Lusa/DI

PUB
TURISMO
São Rafael Villas, Apartments & GuestHouse lança Villa V
10 de julho de 2020
PUB
ARRENDAMENTO
Imobiliárias vão promover Programa Renda Segura
10 de julho de 2020
PUB
PUB
INTERNACIONAL
Investimento imobiliário multifamily europeu deve ultrapassar os 22 mil milhões de euros
7 de julho de 2020
PUB