CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
terça-feira, 12 de novembro de 2019
Internacional

Angola: 10 anos de obras e o Caminho de Ferro de Benguela está pronto

4 de outubro de 2019

Os 1344 quilómetros de linha férrea entre o Lobito e o Luau, na fronteira com a República Democrática do Congo estão totalmente reabilitados e prontos. A obra, a cargo da Angola International Company, empresa subsidiária da chinesa China Railway 20 Bureau Group Corporation, prolongou-se durante dez anos e teve um custo 1,8 mil milhões de dólares (1,65 mil milhões de euros), em grande parte financiados pela República Popular da China.

O longo trajecto da zona costeira do Lobito à fronteira com a República Democratica do Congo pode ser percorrido em qualquer como 16 horas, ou seguramente mais dadas as ligações de horários às estações principais: Huambo e Luena.

A total operacionalidade da linha, que durante mais de 30 anos deixou de funcionar na sequência de décadas de conflitos armados, permite agora a livre circulação de pessoas e bens, o que constitui um contributo decisivo para o desenvolvimento de Angola e a aproximação entre as zonas costeiras mais populosas e o interior do território.

 

Manutenção essencial à preservação da linha férrea

Segundo o director-geral da CR20 Angola International Company no acto de entrega oficial da infraestrutura ao Governo de Angola, o Caminho de Ferro de Bengula passou a ser um “corredor internacional que liga dois oceanos, o Atlântico e o Índico, depois de em Julho passado o comboio de luxo do operador turístico sul-africano Rovos Rail ter partido da Tanzânia e atravessado a Zâmbia e a República Democrática do Congo até chegar ao Lobito”.

Han Shu Chen assegurou que a empresa vai continuar a prestar assistência técnica nos trabalhos de manutenção, garantindo assim a segurança e a operacionalidade da linha, em conjunto com o CFB.

Com uma extensão de 1344 quilómetros do Lobito ao Luau e 67 estações e apeadeiros entre as províncias de Benguela, Huambo, Bié e Moxico, o CFB tem actualmente 48 locomotivas adquiridas ao grupo americano General Electric (GE Transportation) e 66 carruagens, entre a 1ª, 2ª e 3ª classes.

 

PUB
ARRENDAMENTO
Modelo do IRS para 2020 com campo para contratos de arrendamento com redução de IRS
5 de novembro de 2019
PUB
PUB
PUB