CONSTRUÍMOS
NOTÍCIA
terça-feira, 21 de Maio de 2019
Arquitectura

O japonês Arata Isozaki, 87 anos, vence Prémio Pritzker/2019

5 de Março de 2019

O arquitecto, urbanista e investigador japonês Arata Isozaki, 87 anos, é o distinguido com o Prémio Pritzker/2019 por um trabalho "que vai além do quadro de arquitectura e levanta questões que transcendem épocas e fronteiras", anunciou hoje o júri.

Considerado um visionário pelos seus pares, Isozaki sempre se enfrentou no seu trabalho como um arquitecto com um "profundo compromisso com a arte do espaço” e com uma "precisão e habilidade" demonstradas em "técnicas de construção, na interpretação da localização e do contexto e uma intencionalidade nos detalhes", segundo o juri.

Veja o vídeo AQUI

Arata Isozaki "tem um profundo conhecimento da teoria e história da arquitectura e abraça a vanguarda. Não se limita a reproduzir o ‘status quo’, mas prossegue a sua demanda do sentido da arquitectura, o que se reflecte nos seus edifícios, desafiando categorizações estilísticas, e estão em constante evolução e revelando sempre frescura na sua abordagem", acrescenta o júri.

No ano passado, o distinguido com o Pritzker foi o arquitecto indiano Balkrishna Doshi, autor de mais de uma centena de projectos em 70 anos de carreira.

Criado em 1979, aquele que é considerado «o Nobel» da Arquitectura, atribui um montante de 100 mil dólares ao laureado, um arquitecto contemporâneo que tenha dado “contribuições significativas para a humanidade" através da arquitectura.

Lusa/DI

PUB
ARRENDAMENTO
Autoridade para as Condições do Arrendamento Habitacional – propõe Helena Roseta
9 de Maio de 2019
PUB
PUB
PUB